Pin It button on image hover

Versos de uma alma prosa...



Como é frágil o coração humano —espelhado poço de pensamentos.
Tão profundo e trêmulo instrumentode vidro, que cantaou chora.
Sylvia Plath

Nenhum comentário:

Postar um comentário