Pin It button on image hover

Saudade


Aquela saudade despertada na fragrância expelida da alma,
Algo que ainda seu não fora e ainda te faz tanta falta, a lágrima contida, o abraço guardado a espera de alguém...
A flor da estação que não brotou,
o adeus que não soou aos ouvidos daquele que parte ansiando uma volta...
Saudade contida da mãe que espera pelo filho que nunca teve todas as tardes no beiral da janela.
Vontade enorme de tocar algo que fugiu nas asas do vento...
Aquele amor retido de anos, eterna chama nos olhos de quem ama...
Dayanna F.

Nenhum comentário:

Postar um comentário