Pin It button on image hover

Dessas linhas são feitas o coração



E quando as horas roubavam já meus sentidos, e quando os dias já parecidos comigo, sem sentido e repetitivos, se estendiam por minha vida inteira, a solidão invadia os poros, e os pulsos já cortados, cicatrizavam um amor perdido, sangrava uma desilusão profunda...
E o vento me trouxe, ah! Ele me trouxe você, do céu ou não, ele te trouxe para junto de mim, dessa alma já cansada de sofrer e vagar tão só...
E com suas mãos reuniu novamente os retalhos do meu coração, como uma droga, me dopou de amor e anestesiou minhas lágrimas, afugentou os pesadelos e me trouxe sonhos lindos.
Não mais permitiu que meus desejos partissem entre meus dedos, feito a areia da praia, não mais deixou que o medo de mim tomasse posse...
Com paixão sempre do meu lado, afugentou os trovões da chuva de ilusões que nunca cessavam. Foi meu guia, me levou aos céus sem ao pior transportar da Terra. Foi bem mais que isso, foi o sangue que voltou a correr em minhas veias, fervilhando de paixão, sem medo me entreguei á aquele que me devolveu a vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário