Pin It button on image hover

Difícil de decifrar.

Você me faz repensar, eu tenho saudades das mãos que nunca percorreram desinteressadas meu corpo, mergulhar todos os dias nesse olhar tão distante nunca direcionado ao meu, que é teu olhar, toma demasiado meu tempo, e aposento de mim todas as certezas, totalmente imersa em teus pensamentos, me sinto parte de "algo maior". Me faz sentir saudades de casa, mas como? Se nunca saí desse quintal que é meu mundo, o mundo que criei para viver você. Seria possível ser eu, que vago incessante pelos caminhos que trilhei em volta a tua moradia? Você, minha maior recompensa, provar direto da fonte, o desconhecido vicia, você foi capaz de arrancar de mim todas as minhas verdades, só restaram migalhas de um ser que pensava viver por si, mas agora vive por ti. Entre extremos, do coma, que muitos chamam de paixão pois leva de mim os sentidos, á insana realidade de que, ainda estou imóvel á sua frente, tentando decifrar seu sorriso.

Dayanna F.

Nenhum comentário:

Postar um comentário