Pin It button on image hover

Triunfar

"Afinal, o que eu quero da vida? A resposta é a mais estúpida e genial possível: eu quero viver."-Trecho de Go - Nick Farewell
Parece que espalharam-se pedacinhos meus por toda parte, de repente você é dona do seu destino, e no outro instante, você está desmoronando mesmo, o que eu menos aprecio em mim e no ser humano, é que por mais que se tenha, deseja-se mais, e chora-se quando não obtem-se.
É, talvez ninguém entenda esse vazio, essa vontade de viver, de ser util, de tentar, e não se arrepender de não ter tentado, de nunca desistir, de não ser fraca, nunca sucumbir a vontade do destino, de sempre sair ganhado do óbivio, de fugir á rotina e ser o contrário. Isso são mais que necessidades minhas, são partes de mim, se tento fazê-la fluírem, logo me frusto, mas a vida não vai ser sempre assim, eu sei que um dia eu vou poder tomar as rédias da mão dela.
Hoje eu sei, o que tem á minha frente vai me levar sempre ao futuro, ao me dar conta disso, dou ás costas para várias pessoas, as quais um dia já desejei que estivessem no meu futuro, mas com o tempo, infelizmente, tornaram-se descartáveis no momento em que me intitularam inútil para suas vidas. Outras, até estão á minha direita, mas já enchergo o sofrimento, não, não quero mais me ferir, vou deixá-las descancando no caminho, á elas não desejo nehum mal.
Acabo de ver que terei de seguir sozinha, isso não é trsite, ainda vou encontrar pessoas pelo caminho, quando eu souber identificá-las, a solidão também nos ensina á como não ser só, isso foi minha primeira licão de várias, muitas vezes caí, cairei, mas eu me ergo, erguerei, pois meu presente já é meu futuro, e meu futuro será triunfante!

Nenhum comentário:

Postar um comentário