Pin It button on image hover

E cá estou eu me perdendo mais uma vez, tentando explicar o que sinto neste momento.

Tumblr_lnxa2xvz8y1qmw7wmo1_500_large

Tão doce quanto as notas de um piano, tão leve quanto o ar de uma manhã de sábado, intenso como o nascer do sol rasgando encantadoramente as nuvens ralas... Oh! E cá estou eu me perdendo mais uma vez, tentando explicar o que sinto neste momento. Talvez nem tenha uma tradução lógica, e o que me resta é sentir, e mergulhar em cada onda, em cada arrepio que vai da alma a epiderme.

E vai muito além de tocar, de sentir as texturas, não, está também no respirar o mesmo ar, de ter-se a plena consciência de estar pisando o mesmo chão, sob o mesmo espaço de céu, é ouvir com atenção e fascínio todas as palavras que dos lábios deliciosamente escapam e atingem meu ouvir como uma marola de sonhos. É sorrir ao mesmo tempo que respondo minha próprio pergunta: "Isso é mesmo real?" e então abro a boca acompanhando o ritmo do brilho crescente de meus olhos, dizendo: "Sim! E como é real!"

Vai além de um estado de espírito, é mais o humor da alma, que vai dominando cada gesto e palavra, o ritmo dos pensamentos e a forma como eles fluem, na verdade tudo começa a fluir, o amor, a paz, o carinho, e com uma simplicidade clara feito noite com lua cheia. Mas essas sensações que acabo de citar, são apenas semelhanças, creio que o que sinto vai muito além de tudo, atrevessa você e eu, e ainda perdura dentro de nós, infinitamente sentindo a felicidade borbulhar em nossos sorrisos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário