Pin It button on image hover

Ainda é sobre você


Talvez seja realmente um caso de amor eterno, daqueles que adormecem e despertam quando você lê o nome da pessoa, ou ouve falar dela. Ou quando se depara com aquele olhar tão familiar e uma verdadeira enxurrada de lembranças despencam sobre você. Ainda é você que eu imagino me esperando no final de um longo corredor coberto de um tapete vermelho e pétalas de flores. Ainda é o seu nome que me vem na cabeça nos "vocês" das músicas e textos.

Um vacilo e te enxergo numa nuca qualquer no meio da multidão de pessoas, e juro. Quando alguém me pega pelo braço aperto bem os olhos antes de me virar pra ver quem é, desejando que poderia ser você. E os outros caras? Fecho os olhos quando recebo uma ligação e fico procurando na voz de outros alguma semelhança com a sua e quando encontro, minto pra mim que é você. Aliás tenho mentido pra mim por todos esses anos, de que um dia essa espera acabe.

A vida já deu suas mil voltas, a sua já até virou outra, mas eu continuo aqui. E quando penso isso, parece até que vejo você fazendo cara de indiferente, dando de ombros por eu ainda insistir nisso. Concordo com você. Também não sei explicar porque eu ainda sinto, se eu deixarei de sentir algum dia. Ou talvez saiba, os textos de saudade, de amor, os olhares solitários quando falam seu nome, no meu coração ainda é sobre você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário