Pin It button on image hover

Não vou mais fugir.


Eu não posso te deixar passar assim tão batido, não posso permitir que não seja para sempre, como é que eu vou viver sem sua voz gostosa? Como é que eu vou sorrir se eu não estiver olhando pro seu sorriso e ouvindo sua voz arrastada, de quando finge que está com muito ciume de algo bobo? Não dá pra viver assim, eu não quero outra boca, eu não quero outro cheiro, eu não quero outro número chamando no meu celular.

Eu não quero, não consigo mais viver longe de você. De ver você desviando o olhar e erguendo um pouco o ombro direito toda vez que vai dizer algo sério, de como você se curva quando dá gargalhadas, da forma que pronuncia meu nome, do jeito que me beija como se fosse para sempre, e talvez seja, eu quero que seja. Quero nós dois velhinhos sentados na varanda lendo livros, melhor, lendo o livro que deu esse nosso romance, que isso iria dar um bom livro, já achei quem dissesse.

Você me ganhou em tudo, gradativamente, não consigo mais fujir e eu não quero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário