Pin It button on image hover

Tente outra vez


Eu já conheço a sensação, já sei os dizeres, e como tudo será, como termina, se é que termina, não dá para prever. Só carrego o desejo de não ser como da ultima vez, a gente que se ama muito, tem mesmo este medo de entregar o coração de novo, e acabar com ele em mil pedaços, de novo. É que é muito custoso reorganizar tudo, e fazer a dor parar, mas a gente sempre precisa tentar não é?

E fim. Lá se vai eu e minhas pernas trêmulas de nervoso caminhando para algo que eu defino como "sei lá". 

Mas estou tentando fazer a vida melhorar de novo, juro. Tô fazendo o possível para seguir em frente apesar de tudo. E quer saber, estou conseguindo, finalmente, e lá está meu coração semi-novo, pronto pra outra, que seja então com você, que veio de mansinho me ajudando a curar a minha loucura, e sendo um pouco louco comigo também.Que fez questão de entrar no labirinto que são os meus sentimentos, e derrubar algumas paredes de medo.

Porque me acrescenta só coisas boas, e não fica querendo subtrair nenhum dos meus defeitos, me entende (ou pelo menos tenta enter), e quando não consegue apenas sorri, a rizada mais gostosa do mundo, se desse pra engolir sua risada de tão gostosa eu fazia. Dessa vez eu não quis começar com o pé direito, tô começando com as duas pernas (mais uma vez trêmulas de nervoso) que correm para te abraçar e quem sabe dessa vez viver algo que dure sem ser ser duro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário