Pin It button on image hover

Girl Interrupted

Da série, filmes pouco comentados mas marcantes, aí vai um: Girl Interrupted (A garota interrompida) dirigido por James Mangold no ano de 1999, com Angelina Jolie divando na pele da sensual (Lisa)  Whoopi Goldberg (Valerie) e Winona Ryder ( Susanna Kaysen) que interpreta uma garota que vai parar num hospital psiquiátrico em plenos anos 60, onde termina por fazer amizade com outras internadas. Com Angelina Jolie e Whoopi Goldberg. Vencedor do Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante. Em 1967, após uma sessão com um psicanalista que nunca havia visto antes, Susanna Kaysen (Winona Ryder) foi diagnosticada como vítima de "Ordem Incerta de Personalidade" - uma aflição com sintomas tão ambíguos que qualquer garota adolescente pode ser enquadrada. Enviada para um hospital psiquiátrico, onde viveu nos 2 anos seguintes, ela conhece um novo mundo, de jovens garotas sedutoras e transtornadas. Entre elas está Lisa (Angelina Jolie), uma charmosa sociopata que organiza uma fuga com Susanna, Daisy e Polly, com o intuito de retomarem suas vidas.

Sabe aqueles filmes que você aluga por um acaso e que te marcam? Foi este, achei que nunca iria falar sobre filmes aqui, e que se falasse iria ser um romance perfeitinho, mas este filme chama atenção para o lado B da vida, que as pessoas esquecem, e me fez dar mais valor para as pequenas coisa, além de ser filmado numa das épocas que eu mais amo, década de 60, e com uma fotografia incrível:



Uma das minhas cenas prediletas.


Lá as pacientes tinham um único banheiro, repleto de banheiras e tomavam banho acompanhadas de enfermeiras, a foto não mostra mas ao lado dela estava Whoopi Goldberg (Valerie).


Jolie sendo diva, mesmo sociopata. ♥




Distanciamento familiar, machismo, preconceito, manicomialismo, conflitos pessoais, histórias tristes, tudo jogado "delicadamente" na cara do espectador, mostrando uma realidade da época e nos mostrando como as pessoas lidam quando não se adequam ao que a sociedade propõe. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário