Pin It button on image hover

Três parágrafos de amor infinito.

Só queria te dizer, mais uma vez, que estar ao seu lado todos esses dias tem tornado-se a tarefa mais esperada e prazerosa de todas, e tem sido pouco, porque de você sempre irei querer mais, muito mais, pois eu amo a forma como tudo a sua volta para enquanto está falando, e do silêncio que reina enquanto sorrimos juntos, e como me perco no canto dos olhos apertados e da boca escancarada, que me faz sorrir devagar, enquanto mergulho numa espécie de êxtase que é segurar forte a sua mão, e te sentir uma extensão de mim, porque você é uma parte de mim muito melhor, uma parte que realmente aprendeu a vida, e agora pousa do meu lado todos os dias para me ensinar também.

É tão bom poder descansar o coração em algo sólido, gosto tanto quando diz besteiras só para que eu sorria, e de como se comporta ignorando minha cara amarrada, minhas rabugens, parece que aí dentro de você existe somente calma, como se nada tirasse o sorriso do seu rosto, e o brilho dos seus olhos. Finalmente alguém que me inspira a ser melhor, francamente, como você ainda está aqui? Essa sua paciência comigo é a maior das provas de amor, tantos outros já foram embora, mas você permanece firme, segurando meu mundo, então nada mais justo, do que eu segurar o seu coração, com todo zelo que eu, tão fraca conseguir ter, e com todo amor, que cada canto do meu ser for capaz de criar.

É inexplicável essa minha vontade de ter uma família com você, talvez seja este ar totalmente paterno que paira debaixo de todo gesto seu, nunca imaginei alguém sentado na cabeceira da mesa enquanto eu preparo o jantar, ou alguém para disputar o canto da cama comigo, além de você, isto é totalmente novo, mas todos os medos que eu tinha você está quebrando, é indescritível esse novo ser que se formou em mim quando você entrou em minha vida, obrigada por me fazer melhor todos os dias, por me transbordar, e completar nossas diferenças como todo amor do mundo, então vai ficando, vai me querendo bem, que eu te amo também.

2 comentários: