Pin It button on image hover

Poema 10 de 365

Vem! Que a vida não demora,
mau chegamos nela e já temos que ir embora
Me ame, assim bonito, ao romper da aurora
esquece esse medo manda ele cair fora,
vem e decola comigo nesse perigo de amar demais...
De querer muito, de ir junto,
de te querer para sempre mais.



Já repararam que não estou seguindo a ordem cronológica do projeto não é? Confesso que em matéria de criar rotinas eu tiro zero, como tem dias que não me lembro de criar o poema, ou não sobra tempo, decidi que não seria este o motivo de me fazer desistir do projeto, então prossigo postando sempre que dá, no dia que dá, sempre que a inspiração bate gostosa, pois a poesia é algo prazeroso e assim vai continuar sendo por aqui. Então, até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário